Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Covid-19: Mercado Municipal de Leiria cria plataforma para ajudar comerciantes


Legenda: Plataforma está disponível em www.mercadodeleiria.pt (Município Leiria) segunda, 06 abril 2020

Os comerciantes do Mercado Municipal de Leiria vão poder vender os seus produtos através de uma plataforma criada pelo município local, no âmbito da estratégia de combate à pandemia de covid-19, anunciou a autarquia.
A plataforma, disponível no endereço www.mercadodeleiria.pt, “apresenta os comerciantes que operam neste espaço, sendo possível efectuar encomendas e estando garantida a entrega ao domicílio para grupos de risco”, informa a Câmara Municipal de Leiria, em comunicado.
A nova ferramenta digital reúne 32 comerciantes, agrupados em seis áreas (peixe, carne, pão, hortofrutícolas, flores e diversos), e disponibiliza os respectivos seus contactos, “permitindo a realização de encomendas a partir de casa, sendo a recolha depois efectuada no mercado”, explicou a autarquia, presidida por Gonçalo Lopes.
“Na sua maioria, os operadores surgem identificados com imagens individuais junto da sua própria banca, contactos, formas de pagamento e indicação se o operador faz ou não entrega ao domicílio”, detalhou o município. A partir de agora, os clientes “têm oportunidade de seleccionar o operador, contactá-lo via telefone, encomendar, combinar a data de recolha no mercado, diminuindo tempos de espera, de circulação e de contacto no mercado”.
“Queremos reforçar a ligação com clientes habituais, mas também com os novos clientes que têm procurado o mercado de Leiria”, afirmou a vereadora do Desenvolvimento Económico da Câmara de Leiria, Catarina Louro, citada no mesmo comunicado.
Para os grupos de risco, a entrega de bens ao domicílio “será garantida através da rede solidária do município, bastando solicitar telefonicamente junto do operador aquando da encomenda, referindo tratar-se uma pessoa com mais de 65 anos ou doente crónico”. 

Diários Associados