Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Julgada mulher que explorava falsa casa de massagens


quarta, 12 setembro 2018
O Tribunal de Avei­ro começou, ontem, a julgar, à porta fechada, uma mulher, de 33 anos, suspeita de ter explorado uma casa de massagens que funcionaria como local de prostituição. A arguida, que não compareceu ao julgamento por se encontrar a residir na Suíça, está acusada de dois crimes de lenocínio e dois crimes de auxílio à emigração ilegal. Segundo a acusação do Ministério Público (MP), os factos ocorreram em 2016 e 2017, no centro da cidade de Aveiro. De acordo com a investigação, a arguida dedicava-se à exploração da prática da prostitui­ção por parte de mulheres estrangeiras, a quem cedia quartos para a prática de relações se­xuais com homens que as pro­curassem a troco de dinheiro.
Leia a notícia completa na edição em papel.