Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Câmara abriu um inquérito à obra fatal em Celas


sábado, 03 março 2018
A Câmara de Coimbra abriu um inquérito à empreitada que está a decorrer em Celas desde 2016 e onde João da Costa perdeu a vida ao final da tarde de quinta-feira. Manuel Machado esteve no local do trágico acidente na sexta-feira e manhã e depois, segundo informação do gabinete do presidente do Município, «determinou a abertura de um inquérito, sem prejuízo da autarquia aguardar pelos autos da PSP». A autarquia «lamenta o sucedido e endereça as condolências aos familiares e amigos do Sr. João Costa». A empreitada em causa, segundo apurámos, foi adjudicada no final de Setembro de 2016 e na altura tinha um prazo de execução de 189 dias (pouco mais de seis meses).Contemplava a recuperação de uma casa cujas futuras fracções a câmara dizia querer arrendar a famílias carenciadas, por custos controlados. Contemplava ainda os arranjos exteriores, nomeadamente numa zona que ficou livre no gaveto da Rua Bernardo de Albuquerque com a Rua das Parreiras após uma demolição em 2015. Foi num passeio que está a ser intervencionado pela empresa a quem foi concessionada a obra - e não pela EDP como ontem noticiámos - que morreu João da Costa. Morador a poucos metros do local, João da Costa já ali teria caído no buraco momentos antes. Foi ajudado a sair e seguiu para casa mas mais tarde terá dado conta que lhe faltavam as chaves, motivo pelo qual voltou atrás. Foi encontrado, de cabeça para baixo, com o tronco dentro do buraco. Apesar das tentativas de reanimação, o óbito seria declarado no local. João da Costa, de 83 anos, era uma pessoa bastante conhecida não apenas naquela zona mas também por ser um fervoroso adepto da Académica, sendo o sócio n.º 848. «Figura carismática no seio da nossa Instituição, o sr. João era um apaixonado pela Briosa. Sempre prestável e pronto para ajudar a sua querida Académica, era um exemplo de dedicação à nossa causa», escreveu o clube em comunicado.
Leia a notícia completa na edição em papel.