Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Alemanha/Eleições: Scholz diz que Alemanha vai formar Governo antes do Natal


segunda, 27 setembro 2021

Olaf Scholz, líder do SPD disse hoje que o processo de formação do próximo Governo vai ser rápido e que os alemães querem os democratas-cristãos na oposição.
"Vamos ser rápidos. Vamos conseguir um Governo antes do Natal", disse Scholz, numa conferência de imprensa que decorre na sede nacional social-democrata, em Berlim.
Questionado sobre os democratas cristãos, Scholz disse que "os alemães demonstraram nas urnas que querem a CDU na oposição".
Desta forma, o líder social-democrata, actual vice-chanceler e ministro das Finanças do Governo de coligação que continua em funções, abre o caminho a eventuais contactos com os Verdes e os liberais do FDP para uma eventual coligação governamental.
Em 2017, o período negocial para a formação do Governo prolongou-se durante mais de 200 dias.
 De acordo com a contagem dos votos das eleições de domingo, o SPD conseguiu 25,7% dos votos, o melhor resultado desde a eleição de Gerard Schroder, mas, mesmo assim, vai precisar necessariamente de uma coligação de pelo menos três partidos para poder governar.
A CDU-CSU sofreu a pior derrota desde 1949, alcançando apenas 24,1% dos votos, o que corresponde a uma queda de 9% em comparação com as legislativas de 2017.
Atrás do SPD e da CDU, que governam alternadamente o país desde 1949, juntas ou como forças coligadas, estão os Verdes com 14,8% dos votos e os liberais do FDP com 11,5%.