Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Teatrão vai passar a ter espectáculos acessíveis a cegos


sábado, 25 setembro 2021

A Oficina Municipal do Teatro (OMT), em Coimbra, vai ter pela primeira vez hoje audiodescrição para espectadores cegos e com baixa visão, a par da Língua Gestual Portuguesa, serviço que já oferecia. A peça de teatro “Aldebarã”, da Terra Amarela, que é apresentada hoje, pelas 21h30, será o primeiro de 15 a 20 espectáculos que a OMT irá ter durante a temporada 2021/2022 com audiodescrição, permitindo o acesso à cultura de cegos e de pessoas com baixa visão, afirmou a directora da companhia Teatrão, Isabel Craveiro.
Hoje também haverá interpretação do espectáculo em Língua Gestual Portuguesa, algo já recorrente na OMT face a uma parceria com «alguns anos» com o curso da Escola Superior de Educação de Coimbra, acrescentou. «Foi necessário adquirir uma cabine de audiodescrição [com apoio da Direcção-Geral das Artes], que permite que, durante o espectáculo, seja feita ao vivo a “tradução”, para que os cegos e pessoas de baixa visão, que terão fones, possam ouvir a descrição do que está a acontecer», explicou.

Leia a notícia completa na edição em papel.