Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Homem condenado a 14 anos de prisão por matar amante da ex-mulher


quinta, 16 setembro 2021

O Tribunal de Coimbra condenou ontem a 14 anos de prisão, por um crime de homicídio qualificado, um homem, de 43 anos, acusado de matar o amante da ex-mulher. Antes de proferir a leitura do acórdão, o presidente do colectivo teceu algumas considerações sobre o dia do acidente - 17 de Setembro de 2014 nos Pereirões, Tocha –, dando como assente a maioria dos factos que constavam da acusação do Ministério Público (MP) e que acusavam o camionista de ter atropelado a vítima intencionalmente.
Miguel Veiga fez referência ao facto de o arguido, na noite dos acontecimentos, «ter ligado às autoridades policiais após o embate mas nunca ter prestado auxílio à vítima», que se encontrava imobilizada debaixo do veículo pesado de mercadorias, atitude que deixara antever os seus «propósitos». «É um crime inultrapassável», vincou o magistrado, aludindo ainda ao facto de P.M. «ter recebido mensagens de texto a denunciar a relação extraconjugal da esposa e de ter conhecimento de comentários na área de residência sobre a relação».

Leia a notícia completa na edição em papel.