Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Começa hoje mais um Estado de Emergência


quarta, 09 dezembro 2020

Portugal entra hoje em mais um período de Estado de Emergência e os 19 concelhos do distrito de Aveiro repartem-se por entre os três grupos de maior risco de contágio, havendo mes­mo três a Norte – Espinho, Santa Maria da Feira e São João da Madeira – no grupo onde ninguém quer estar, onde o risco é considerado extremamente elevado. Desta lista fazem parte apenas 35 dos 308 municípios nacionais por terem mais de 960 casos por 100 mil habitantes nos últimos 15 dias, e três pertencem ao distrito de Aveiro.
Há ainda, olhando para o todo nacional, 78 concelhos em nível de risco muito elevado por terem entre 480 e 960 casos de COVID-19 por 100 mil habitantes e é aqui que se encontra a maior parte dos municípios locais. São 13: Águeda, Albergaria-a-Velha, Anadia, Arouca, Avei­ro, Castelo de Paiva, Estarreja, Ílha­vo, Murtosa, Oliveira de Azeméis, Oliveira do Bairro, Ovar e Vale de Cambra.
Mais abaixo na escala figuram 92 concelhos onde o risco de contágio é elevado (mais de 240 e até 480 casos por 100 mil habitantes) e três situam-se no distrito de Aveiro: Mealhada, Sever do Vouga e Vagos. Por fim, o Governo apresentou ainda uma lista com 73 concelhos em risco moderado.

Municípios lançam apelos
Os vários municípios têm lançado acções concretas e vários apelos e recomendações às suas comunidades. Santa Maria da Feira, um dos municípios na lista mais negra, pede cautela às populações. “Pelo nosso futuro, seja prudente. Proteja-se a si e a quem o rodeia. Siga as recomendações da DGS”, apela.

Leia a notícia completa na edição em papel.