Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Beira-Mar obrigado a “travar” possível festa da Mourisquense


sábado, 21 maio 2016

A recepção do Beira-Mar ao Mourisquense domina as atenções da jornada deste sábado do “Distrital” da II Divisão (Série B). O desfecho do encontro (17 horas, Estádio Mário Duarte) será determinante para perceber o futuro imediato das duas equipas que ocupam os dois lugares de acesso ao primeiro escalão da A.F. Aveiro. A celebração é matematicamente possível para o Mourisquense que, para isso, terá de ganhar em Aveiro.

Um cenário que o Beira-Mar tem de travar se quiser discutir o primeiro lugar na última jornada ,tendo de ganhar ou pelo menos empatar. No pior cenário para os “auri-negros”, o Vista Alegre é o grande beneficiado se confirmar a vitória em casa diante do Fermentelos. O jogo surge num período distinto para cada uma das equipas. O Beira-Mar cumpre um dos melhores momentos da época com sete vitórias consecutivas e sem sofrer golos, ao passo que o Mourisquense perdeu “gás” com dois empates, depois de ter visto o Beira-Mar encurtar distâncias aproveitando a folga do opositor.

O jogo promete emoções à flor da pele e tem tudo para levar ao Estádio Mário Duarte mais uma grande enchente. Para as contas dos responsáveis locais há a curiosidade de perceber se será possível ultrapassar os mais de seis mil espectadores que estiveram presentes em Aveiro no jogo contra o Vista Alegre, que superou a melhor casa da época, no embate de estreia, contra o Macieira de Cambra.