Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

CRID do Politécnico de Leiria já é marca portuguesa registada


foto: DR / Legenda: CRID criou recentemente uma tabela de ‘emoções’ para ajudar pessoas com limitações na área da Saúde segunda, 08 junho 2020

O Centro de Recursos para a Inclusão Digital (CRID) do Politécnico de Leiria recebeu o registo de marca portuguesa (com o número 636583), concedido pelo Instituto Nacional da Propriedade Industrial, em Maio. O projecto da Escola Superior de Educação e Ciências Sociais (ESECS) de Leiria tem como missão promover a inclusão social da população com necessidades específicas através do recurso a ajudas técnicas e produtos de apoio no âmbito da acessibilidade digital.
Criado em 2006, ao longo dos seus 14 anos, “o CRID tornou-se um construtor de pontes nacionais e internacionais através dos seus múltiplos projectos”, sublinhou a coordenadora do Centro, Célia Sousa, citada num comunicado. A docente do Politécnico de Leiria destaca ainda que, durante este período, foram apoiadas “747 pessoas”, avaliadas “cerca de 550” e formados “10 mil jovens”, considerando que o “reconhecimento do trabalho do CRID se reflecte na distinção com três prémios e uma menção honrosa, na assinatura de 28 protocolos com diferentes instituições nacionais e internacionais”, além de terem sido “visitados por mais de 6.200 pessoas oriundas de 35 países”.

Leia a notícia completa na edição em papel.