Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Diretor: 
Adriano Callé Lucas

Coimbra regista únicos novos casos da CIM-RC


quinta, 23 abril 2020

O território da Comunidade Intermunicipal da Região de Coimbra (CIM-RC) registou apenas três novos casos com Covid-19 nas últimas 24 horas, segundo os dados da Direcção Geral da Saúde (DGS) revelados ontem no relatório de situação epidemiológica em Portugal.
A única subida do número de infectados foi alocada ao concelho de Coimbra, que, desta forma, elevou para 363 os doentes que contraíram o novo coronavírus. Os restantes 18 municípios mantiveram o número de casos confirmados do último relatório, sendo que desta listagem continua a não constar o concelho de Pampilhosa da Serra.
A distribuição de caracterização demográfica dos casos confirmados, que já ascende aos 628, está, então, distribuída da seguinte forma: Condeixa-
-a-Nova (57), Cantanhede (39), Tábua (32), Soure (18), Figueira da Foz (17), Montemor-o-Velho (16), Mealhada (13), Penacova (13), Miranda do Corvo (12), Oliveira do Hospital (11), Góis (9), Lousã (8), Arganil (6), Mortágua (4), Vila Nova de Poiares (4), Mira (3) e Penela (3).
Num âmbito mais alargado, a região Centro registava ontem 3.053 casos confirmados com Covid-19, mais 54 que o anterior relatório, enquanto relativamente a óbitos o número subiu para 175, ou seja, mais quatro que na última listagem.

Número de recuperados volta a registar subida
A nível nacional, Portugal registou 785 mortos associados à Covid-19, mais 23 do que no anterior boletim epidemiológico da DGS, e 21.982 infectados (mais 603). Comparando com os dados de terça-feira, em que se registavam 762 mortos, ontem constatou-se um aumento percentual de 3%, sendo que a região Norte é a que regista o maior número de óbitos (454), seguida da região Centro (175), de Lisboa e Vale Tejo (138), do Algarve (11), dos Açores (6) e do Alentejo (1).
Do total das pessoas infectadas, a grande maioria está a recuperar em casa, totalizando 20.836, mais 629 relativamente a terça-feira (+3,1%). Os dados indicam ainda que 1.146 estão internadas, menos 26 do que na terça-feira (- 2,2%), e 207 estão em Unidades de Cuidados Intensivos, menos seis, o que representa uma diminuição de 2,8%.
Já o número de casos recuperados subiu para os 1.143, o que representa um aumento de 226 em relação ao relatório anterior.