Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Covid-19: Mais de 250.000 casos diagnosticados na Europa


quinta, 26 março 2020

Mais de 250.000 casos do novo coronavírus foram diagnosticados na Europa, mais de metade dos quais em Itália (74.386) e em Espanha (56.188), segundo um balanço feito hoje pela agência AFP com base em números oficiais. Com 258.068 casos, 14.460 mortais, a Europa é actualmente o continente mais atingido pela pandemia, à frente da Ásia (100.937 casos e 3.636 mortes), foco inicial do surto.
Os números baseiam-se em dados das autoridades nacionais dos vários países e podem não ser inferiores ao número real de casos, uma vez que muitos países apenas testam as pessoas que precisam de hospitalização.
Espanha tornou-se o país europeu onde o vírus se propaga mais rapidamente, com as autoridades espanholas a anunciarem hoje 8.578 novas infecções e 655 novas mortes, num balanço global de 56.188 infectados e mais de 4.000 mortos no país.
Em todo o mundo, a pandemia fez pelo menos 21.867 mortos em 182 países, desde que o vírus surgiu em Dezembro na China. Depois da Europa e da Ásia, surgem o Médio Oriente (2.281 mortes em 35.324 casos), os Estados Unidos e o Canadá (1.082 em 72.606 casos), a América Latina e Caraíbas (141 mortes em 8.439 casos), África (73 mortes em 2.748 casos) e a Oceânia (14 mortes em 3.111 casos), segundo as contas da agência.
Os chefes de Estado e de Governo da União Europeia realizam hoje um novo Conselho Europeu por videoconferência para discutir a resposta conjunta à pandemia de covid-19, a terceira ‘cimeira virtual’ de líderes europeus no espaço de três semanas para concertar a resposta da UE aos mais diversos níveis à crise provocada pela pandemia.
A crise está também na agenda do Parlamento Europeu (PE), que se reúne hoje em sessão extraordinária com a agenda dominada pela votação de medidas para enfrentar a pandemia da Covid-19.