Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Falta de médicos condicionou urgência pediátrica nas Caldas da Rainha


foto: Arquivo segunda, 02 março 2020

A urgência pediátrica do Hospital das Caldas da Rainha esteve ontem novamente a funcionar condicionada, devido à falta de médicos, sendo os doentes emergentes e críticos reencaminhados para outros hospitais, informou o Centro Hospitalar do Oeste.
“Apesar de todos os esforços desenvolvidos não foi possível suprir a falta do prestador na escala da Urgência Pediátrica”, informou à agência Lusa Elsa Baião, presidente do Conselho de Administração (CA) do Centro Hospitalar do Oeste (CHO), onde se insere o Hospital das Caldas da Rainha.
A urgência pediátrica, que funciona habitualmente com dois pediatras e dois clínicos gerais, está “a funcionar, mas condicionada, sendo os doentes críticos encaminhados para a unidade hospitalar mais adequada, de acordo com a situação e complexidade clínica”, acrescentou a mesma responsável.

Leia a notícia completa na edição em papel.