Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

“Explosão” de bons sabores no festival de Montemor-o-Velho


sábado, 16 março 2019
«As enguias estão boas, vou provar o sável!». A apreciação é de Emílio Torrão, presidente da Câmara Municipal de Montemor, cicerone de uma apetitosa visita às “tasquinhas das associações”, presentes no Festival do Arroz e da Lampreia, que ontem começou. «O arroz de lampreia está excelente», confessava o director regional de Agricultura e Pescas do Centro (DRAPC), que depois de provar o de Santo Varão, experimentava o de Ereira. Arroz de ovas de sável, arroz de roupa velha, lampreia quinhentista, além de pataniscas, enguias fritas, foram algumas das iguarias apreciadas pela comitiva. Uma pequena amostra de uma verdadeira explosão de sabores, que vai ser possível apreciar até ao próximo dia 24 no Festival do Arroz e da Lampreia - Sabores do Campo e do Rio. «Um hino ao nosso sector primário, à nossa economia», «àquilo que é mais genuíno e tradicional de Montemor-o-Velho», como sublinhou, na abertura do certame, Fernando Ramos, presidente da Assembleia Municipal.Emílio Torrão destacou o «casamento genial» entre o arroz carolino do Baixo Mondego e a «lampreia que sobe o rio», para enfatizar a «diferença» e a especificidade do arroz de lampreia. O mesmo acontece quando o arroz carolino «casa com o leite da Gândara». O arroz doce «é património deste país, mas em Montemor tem um sabor diferente». Arroz doce que dá, de resto, o mote para uma maratona de confecção, que começa hoje, ao meio-dia.
Leia a notícia completa na edição em papel.