Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Verbas atribuídas não têm em conta a “grandeza”


sábado, 24 novembro 2018
O orçamento da Junta de Freguesia de Santo António dos Olivais «não chega a um milhão de euros», um valor que não corresponde à «grandeza» da freguesia. A «realidade» das verbas que a autarquia recebe do Fundo de Financiamento das Freguesias e dos protocolos com a Câmara Municipal de Coimbra, fez notar Francisco Andrade, permite perceber que «a grandiosidade não é tão grande como a de outras freguesias com o mesmo número de eleitores». No concelho de Sintra, exemplificou o presidente da Junta de Freguesia de Santo António dos Olivais, «há distribuição de verbas pelas freguesias e algumas recebem 3,5 a 4 milhões de euros». Para se perceber a «grandiosidade» da junta, Francisco Andrade apresentou «os 23 funcionários no quadro e mais quatro precários» como números capazes de transmitir a dimensão da maior freguesia do concelho de Coimbra. «A freguesia começou grande, mas, hoje, a sua dimensão é muito grande», considerou o autarca, antes de lembrar que Santo António dos Olivais tem «60 mil habitantes», mas, reforçou, «é preciso acrescentar mais 30 a 40 mil pessoas que trabalham, estudam ou vêm aos hospitais».
Leia a notícia completa na edição em papel.