Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Identificados os ‘pontos negros’ que tornam a cidade do Lis menos acessível


Foto: Luís Filipe Coito segunda, 19 novembro 2018
Subir o passeio para entrar no Jardim Luís de Camões pode ser muito difícil para quem anda em cadeira de rodas, ou até subir as escadas junto à Fonte Luminosa pode revelar--se uma tarefa bastante complicada para quem tenha um carrinho de bebé. Foram estas algumas das conclusões que as dezenas de pessoas que participaram no 'peddy paper' 'Sentir (IN)Acessibilidades' se aperceberam, ao tentar realizar alguns destes actos quotidianos.A iniciativa, que decorreu no sábado de manhã em diferentes pontos da cidade do Lis, teve como objectivo sinalizar locais com défice nas acessibilidades, para que seja efectuada uma proposta de intervenção para minorar situações que necessitam de correcção.
Leia a notícia completa na edição em papel.