Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Figueiró dos Vinhos: Feira da Doçaria quer qualidade e prefere ter menos mas bons


Margarida Alvarinhas / foto: Mário Carrola segunda, 05 novembro 2018

A primeira cliente de Susana Fanica hesitou entre um fidalgo, um pão de rala, um rançoso ou uma encharcada. “É um problema escolher”, comentou a visitante, uma das primeiras na Feira da Doçaria Conventual que decorreu no fim-de-semana em Figueiró dos Vinhos. Susana Fanica, oriunda de Évora, deu uma ajuda na escolha, explicando a composição dos doces de origem conventual que levou à 13.ª edição do certame, que terminou ontem no Convento de Nossa Senhora do Carmo. 
“São todos alentejanos”, explicou ao nosso jornal a doceira de Évora, destacando o fidalgo, um doce “com camadas de ovos moles e trouxas” que constitui “o de maior saída na região”. Em 13 edições, é a terceira vez que participa nesta Feira da Doçaria Conventual e não acha por mal empregue a viagem entre Évora e Figueiró dos Vinhos. Pode não se vender como desejado, mas “damos a conhecer o nosso produto”, frisou. “As pessoas que forem a Évora acabam por pedir os nossos doces, por isso acho que tem retorno”, explicou.

Leia a notícia completa na edição em papel.