Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Diretor: 
Adriano Callé Lucas

Oikos critica limpeza das margens do Rio Lis


Foto: OIKOS quinta, 19 abril 2018

A Oikos - Associação de Defesa do Ambiente e do Património da Região de Leiria denunciou, anteontem, a última intervenção de limpeza de vegetação levada a cabo nas margens do Rio Lis, situação rejeitada pela Câmara Municipal.
Descrita pela Oikos como “lamentável”, a intervenção sobre a vegetação ripícola localizou-se em ambas as margens no troço localizado no jardim de Santo Agostinho e, na margem direita, a montante da Ponte dos Caniços. Segundo faz saber a associação ambiental em comunicado, a intervenção consistiu num “simples corte radical” que a­carreta várias implicações para o ecossistema local.

(...) Confrontada com a denúncia da associação, a Câmara Municipal de Leiria informa que a limpeza nas margens do Lis foi feita “com recurso a meios mecânicos leves, mantendo-se a geometria da secção intervencionada e não tendo ocorrido linearização da linha de água, havendo preservação paisagística do curso de água”.

Leia a notícia completa na edição em papel.