Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Diretor: 
Adriano Callé Lucas

Arqueólogos descobrem cemitério de igreja datada do século XIII


Luís Ventura (foto de Paulo Ramos) quinta, 08 fevereiro 2018
Antes da actual igreja, cuja construção apenas terminou em 1918, Cortegaça tinha um templo anterior, localizado nas imediações do actual e que foi demolido para lhe ceder o culto. Na actualidade, decorre nova obra naquela zona de Cortegaça, desta vez é a construção da Alameda do Padre Manuel Dias da Silva e Arranjos envolventes. Avaliada em 500 mil euros, projectada por dois cortegacenses, Luís Miguel Oliveira e Carlos Violas, a construção desta alameda pretende atribuir a esta área de equipamento religioso uma nova centralidade. Foi no decorrer destes trabalhos que foram descobertos vestígios da antiga igreja e respectivo cemitério. Gabriel Pereira, da Nexo, empresa que está a fazer o acompanhamento arqueológico, explicou ao Diário de Aveiro, que “se previa que tal viesse a acontecer, pois sabia-se que por aqui tinha existido uma antiga igreja, por volta dos séculos XII ou XIII”. Este templo, segundo o técnico, foi sendo reformulado ao longo dos tempos, até sensivelmente ao século XIX, altura em que se decidiu construir uma nova igreja que só viria a ficar concluída em 1918, como se disse. “Quando esta ficou pronta, foi demolida a anterior igreja”, explica Gabriel Pereira, cujo trabalho da equipa de arqueologia que lidera centra-se em “tentar perceber os vestígios da antiga igreja”. Segundo disse, “isso tem sido possível, pois temos encontrado os alicerces da velha igreja à medida que a actual obra da alameda está a avançar”.
Leia a notícia completa na edição em papel.

Edição de Hoje, Jornal, Jornais, Notícia, Diário de Coimbra, Diário de Aveiro, Diário de Leiria, Diário de Viseu