Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Relatório das cheias travado por questões burocráticas


sexta, 19 agosto 2016
A notícia ontem publicada pelo?Diário de Coimbra sobre o “manual” para as cheias no rio Mondego, encomendado pelo Ministério do Ambiente à Ordem dos Engenheiros, originou reacções e revelações. Afinal, o relatório está concluído desde o início de Maio, praticamente dentro dos prazos previstos (fins de Abril), mas ainda não está pago, porque não foi efectuada a contratualização formal do serviço entre a Agência Portuguesa do Ambiente (APA) e OE. A Ordem dos Engenheiros não cobra valores, explicou ontem ao Diário de Coimbra o bastonário Carlos Mineiro Aires. Mas, argumentou, há técnicos que participaram na elaboração do manual de procedimentos para o sistema de alerta de cheias no Rio Mondego, cujos pareceres e estudos terão de ser remunerados. O que tem, pois, faltado, é a formalização do contrato de prestação de serviços entre APA e OE. Quanto ao manual, adiantou o bastonário, está concluído desde 5 de Maio.
Leia a notícia completa na edição em papel.