Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Câmara distribui máscaras reutilizáveis à população e tablets aos alunos


segunda, 25 maio 2020

O Município de Castro Daire iniciou a distribuição de máscaras sociais pelos munícipes do concelho, considerando a medida como “de extrema importância no actual contexto da pandemia por covid-19, pois permitirá que todos os cidadãos possam desenvolver as suas actividades indispensáveis com a protecção mais aconselhável, salvaguardando-se a si e a todos os outros”.
A autarquia adquiriu 20 mil máscaras reutilizáveis. A sua certificação irá permitir várias utilizações, desde que a máscara seja devidamente utilizada e desinfectada.
Em simultâneo com esta distribuição, está também em curso uma iniciativa de divulgação e sensibilização de boas práticas neste contexto e quais os procedimentos a adoptar, reforçando, ainda, a necessidade de se continuar a apostar nos cuidados a ter para a contenção da covid-19.
A distribuição de máscaras irá prolongar-se pelos próximos dias, através de várias equipas, as quais irão percorrer o território de todo o concelho.
A edilidade procedeu igualmente à entrega dos tablets no agrupamento de escolas, para os alunos do concelho que não dispõem de meios informáticos. Esta medida pretende colmatar as dificuldades de algumas famílias em reunir condições para o novo modelo de ensino no contexto da pandemia da covid-19.
Foram entregues 60 tablets e hotspots de acesso à internet, assegurando desta forma o acesso aos conteúdos lectivos digitais.
Esta acção resulta de um investimento em parceria com a Empresa Irmãos Vicente, Lda., empresa que contribuiu com um donativo de cerca de 5.000 euros, correspondente a aproximadamente 50% do investimento total.
O Agrupamento de Escolas irá efectuar a respectiva distribuição.

270 ninhos de vespa asiática exterminados no concelho
A câmara, através do Serviço Municipal de Protecção Civil, já exterminou no concelho, durante o corrente ano cerca de 270 ninhos de vespa asiática (Vespa velutina). Este trabalho teve o seu início em 2016, quando foram detectados os primeiros ninhos, tendo até ao momento sido destruídos mais de mil ninhos.
No entanto, é de salientar que este ano está a existir um decréscimo no número de ninhos, resultando este facto do processo utilizado na destruição dos ninhos uma vez que o mesmo é realizado de acordo com o definido no plano de acção e controlo da vespa velutina.
Os ninhos da vespa-asiática têm sido encontrados em árvores e em edificações, sendo as freguesias mais afectadas Cabril, Castro Daire, Pepim, Mões, Moledo, União de Freguesias de Mamouros, Alva e Ribolhos, União de Freguesias de Parada de Ester e Ester e União de Freguesias de Reriz e Gafanhão.
O município, consciente do problema económico e ambiental que esta espécie invasora provoca, vai dar continuidade a este trabalho e reforça o apelo para que caso detectem ou suspeitem da existência deste tipo de ninhos, comuniquem ao Serviço Municipal de Protecção Civil os locais onde os mesmos se encontram, utilizando para o efeito o mail [email protected] ou telefone 232 382 214

Leia a notícia completa na edição em papel.