Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Linha SNS24 passou de 5 para mais de 18 mil chamadas por dia


quinta, 02 abril 2020

O secretário de Estado da Saúde informou ontem que a Linha SNS 24 está a atender neste momento uma média de 18 mil chamadas por dia, quando antes da pandemia da Covid-19 a média era de cinco mil chamadas diárias em todo o país. Reconhecendo os problemas iniciais de adaptação desta linha, António Lacerda Sales sublinhou a capacidade de adaptação desta estrutura que é fundamental no atendimento e encaminhamento de casos suspeitos de Covid-19, não tendo dúvidas de que, desde a confirmação do primeiro caso, «foi uma das ferramentas do Serviço Nacional de Saúde que mais de transformou». Aliás, para responder a um número tão elevado de chamadas por dia, a linha tem-se vindo a reforçar e, neste momento, tem 1.400 profissionais (antes eram cerca de 900), confirmou o governante.
António Lacerda Sales falava durante a conferência de imprensa de actualização sobre a infecção pelo novo coronavírus, confirmando que o país vive «um tempo de adaptação».
«Os cidadãos adaptam-se às novas rotinas em suas casas, os profissionais de saúde adaptam-se à prática clínica e o Governo adapta-se sistematicamente» às mudanças que vão surgindo e que «nem sempre são previsíveis».
O secretário de Estado sublinhou também a «gestão criteriosa dos serviços de saúde», afirmando que actualmente são realizadas muito mais amostras de análise ao novo coronavírus: na semana passada, por exemplo, foram processadas 40 mil amostras, «mais do que o dobro dos realizados na semana anterior».
António Lacerda Sales apelou ainda aos portugueses para que se mantenham em casa durante as celebrações da Páscoa, considerando o distanciamento social «crucial» para que as pessoas «não adoeçam todas ao mesmo tempo».