Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Altice rescinde contrato para enterrar cabos de telecomunicações


foto: LFC/Arquivo / Legenda: Protocolo assinado em Dezembro de 2017 nasceu na sequência dos incêndios de Pedrógão Grande quarta, 21 agosto 2019
A Altice Portugal denunciou o protocolo com a IPTelecom que visava o enterramento de cabos de telecomunicações, por falta de "condições necessárias" para cumprir contrato e obstáculos colocados pela Infraestruturas de Portugal (IP), anunciou ontem a dona da Meo. Na sequência dos incêndios de Pedrógão Grande foi assinado em 7 de Dezembro de 2017 um protocolo entre a Altice Portugal e a IPTelecom (IPT), da IP, para a utilização de infraestruturas do canal técnico rodoviário. O objectivo do protocolo, cuja assinatura teve lugar em Pedrógão Grande, era enterrar os cabos aéreos de telecomunicações.Em comunicado, a Altice Portugal "torna público que denunciou o contrato/protocolo celebrado com a IPTelecom", que tinha como objectivo "o estabelecimento de condições para a possibilidade de instalação de um máximo total de 1.000 quilómetros de cabos com utilização de Canais Técnicos Rodoviários (CTR) até ao final de 2019, em concelhos identificados, através de despacho do secretário de Estado das Infraestruturas, como de elevada perigosidade".
Leia a notícia completa na edição em papel.