Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Operadores de descidas no rio Mondego contra corte de estrada no Verão


terça, 21 maio 2019
Os seis maiores operadores das descidas do Mondego, na zona de Penacova e Coimbra, contestaram, ontem, a interrupção da estrada que liga as duas localidades, pela margem direita do rio, para obras, no Verão. A Estrada Nacional 110 (EN 110) entre Penacova e Coimbra é «essencial ao turismo da região» e «não pode ser “cortada” em plena época alta, pois isso é “matar” a descida do Mondego em kayak», afirmam «os seis maiores operadores da descida do Mondego».Além da descida do Mondego - alertam as seis empresas - «outros negócios sobrevivem graças a quem circula naquela estrada, como cafés e restaurantes, ou circuitos turísticos como os “cycling tours”, que recentemente se tornaram mais uma oferta turística» naquele troço da EN 110, vulgarmente também conhecido por estrada da beira-rio, estrada verde ou estrada velha.
Leia a notícia completa na edição em papel.