Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Nega terrorismo e diz que acusação parece um “filme”


terça, 02 abril 2019
Abdessalam Tazi, acusado de pertencer ao grupo Estado Islâmico (EI) e de recrutar operacionais em várias zonas de Portugal, incluindo Aveiro, a troco de 1.500 euros mensais, negou ontem a acusação em tribunal e comparou a acusação a “um filme de Hollywood”.Na primeira sessão de julgamento, que começou no Tribunal Central Criminal de Lisboa, o arguido, de 65 anos, que se encontra em prisão preventiva desde 23 de Março de 2017 na cadeia de alta segurança de Monsanto, em Lisboa, disse que “nunca recrutou ninguém nem financiou o terrorismo”, considerado que a acusação “é como um filme de Hollywodd”.Tazi explicou que o processo teve origem “numa queixa caluniosa, difamatória e bem orquestrada” por dois alegados traficantes de droga, que se quiseram “vingar” dele, depois de ter recusado guardar haxixe na casa onde residia, em Aveiro, para ser vendido em Lisboa.
Leia a notícia completa na edição em papel.