Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

ADN de Palco quer mostrar que é possível “fazer diferente”


quinta, 21 fevereiro 2019
Filipe Lima e Teresa Roxo são os fundadores do projecto. Juntou-se-lhes, depois, Catarina Abreu. Os três sãos os responsáveis da companhia ADN de Palco e também integram o elenco, fixo, de actores, todos com formação superior na área, que inclui Dinis Ludgero e Joana Biscaia. Instalados em Santo Varão, de “braço dado” com o Centro Beira Mondego, mostram como «se pode ser diferente». Sobretudo, como se podem promover «grandes espectáculos» para crianças, e apresentar num grande palco, na Exponor, como já aconteceu, ou numa pequena sala, na escola ou na biblioteca. A magia, o sonho, o glamour de um grande espectáculo faz parte do ADN deste grupo, instalado oficialmente em Santo Varão, concelho de Montemor, desde Maio do ano passado.O musical “O Principezinho”,  com «mais de 60 espectáculos em todo o país», continua em cena, mostrando que o sonho é possível. Mais recentemente, subiu ao palco “Pluft – O Fantasminha” e o entusiasmo continua, com novos sonhos e projectos a alimentarem o desejo de fazer, «mais e diferente».
Leia a notícia completa na edição em papel.