Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Leiria: Sindicalista absolvido do crime de ofensa à integridade física contra segurança de ex-ministra


foto: Arquivo / Legenda: Sindicalista Manuel Cruz foi detido pela PSP na tarde de 4 de Junho de 2013, por alegada agressão a um elemento do corpo de segurança da então ministra da Agricultura Assunção Cristas quarta, 13 fevereiro 2019
O Tribunal de Leiria absolveu ontem o sindicalista Manuel Cruz, detido em 2013 por alegada agressão a um agente do corpo de segurança pessoal da então ministra da Agricultura, Assunção Cristas.A magistrada do juízo cível do Tribunal de Leiria alterou o crime de ofensa à integridade física na forma qualificada, de que Manuel Cruz estava acusado, para um crime de ofensa à integridade física por negligência, por o tribunal não ter dado como provado que o murro desferido pelo arguido foi de forma intencional.Para a juíza, Manuel Cruz atingiu o agente do corpo da segurança pessoal num “esbracejar”, como “reacção para se libertar da acção do ofendido”. O arguido “exerceu o direito à manifestação, contra as políticas do governo, exibindo um cartaz a dizer 'demissão já'”. “Não se provou que estivesse com os ânimos exaltados, mostrasse agressividade ou que se tivesse tentado aproximar da então senhora ministra, como comprova o depoimento dela própria, que disse não se ter apercebido de nada”, realçou a juíza. 
Leia a notícia completa na edição em papel.