Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Actividades na Lagoa da Ervedeira assinalam primeiro ano após fogo


foto: Luís Filipe Coito sexta, 12 outubro 2018

Um hotel de insectos, a remoção de espécies invasoras, jogos tradicionais e ‘workshops’ são algumas das actividade da ‘Floresta Viva’, iniciativa que vai decorrer amanhã, na Lagoa da Ervedeira, Leiria, e que pretende assinalar a passagem do primeiro ano do incêndio que deflagrou no Pinhal do Rei.
O objectivo dos parceiros – Câmara de Leiria, Junta de Freguesia do Coimbrão e associação Flamingo Imparável – é bastante simples: reunir as famílias na Lagoa da Ervedeira num dia dedicado à floresta, consciencializando a comunidade para a importância da preservação do ecossistema, ao mesmo tempo que procedem à remoção de espécies invasoras.
“Propomos um dia na Lagoa, em família, com um conjunto de actividades, consciencializando as pessoas para aquele ecossistema, para o que cada um pode fazer para o preservar”, porque “quando o conhecemos cuidamos melhor”, disse a vereadora com o pelouro do Ambiente da Câmara de Leiria, Ana Esperança. 

Leia a notícia completa na edição em papel.