Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

CCDR Centro enviou ao Ministério Público 21 processos no âmbito da reconstrução


foto: Arquivo sexta, 31 agosto 2018

A presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC) disse ontem que já foram remetidos ao Ministério Público 21 processos no âmbito de alegadas irregularidades na reconstrução de habitações após os incêndios de Pedrógão Grande.
“Foram entregues ao Ministério Público (MP) todos os processos que na reportagem da Visão e da TVI lançavam suspeitas (…), bem como todos os processos do (fundo) Revita” para que, “de uma vez por todas, deixe de haver esta suspeição”, declarou à Lusa Ana Abrunhosa, à margem da escola de verão da Comissão Europeia (Summer CEmp), que decorre até hoje em Marvão, distrito de Portalegre.
Em causa está um inquérito aberto em Julho pelo Ministério Público (MP) para investigar alegadas irregularidades na reconstrução de casas afectadas pelos incêndios de Pedrógão Grande, em Junho de 2017, denunciadas por aqueles dois órgãos de comunicação.
“Estamos a falar de 21 processos”, reiterou, clarificando que a CCDRC “não tem dúvidas” sobre os processos no que diz respeito aos procedimentos formais, embora tenha considerado necessário remetê-los face às suspeitas levantadas, competindo agora ao MP investigar “se alguma coisa correu mal e onde correu mal”.

Leia a notícia completa na edição em papel.