Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Associação de apoio à deficiência recebe espólio da “Palcos Cruzados”


Alberto Oliveira e Silva sábado, 18 agosto 2018
As obras que a Associação “Palcos Cruzados” (APC), de Vale de Cambra, conseguiu com a organização de exposições colectivas de artistas internacionais foram doadas à Associação de Pais e Amigos do Deficiente Mental Profundo (APADMP). Fonte da instituição valecambrense disse ao Diário de Aveiro que, obviamente, encararam com agra­do a dádiva e que, em Setembro, em reunião de Direcção, será determinado o que fazer com o espólio. Vender ou leiloar, para angariar receitas, são possibilidades em cima da mesa. Presidente e, durante uma década, a alma laboriosa da APC, a pintora Maria da Glória expli­cou que condicionantes da sua vida familiar e a constatação de que não teria quem tomasse as rédeas do projecto de intercâmbios determinaram o fim da experiência. Com sede na freguesia de Cepelos, a “Palcos Cruzados”, além das mostras de pintura e de escultura, realizadas no nosso país e em Espanha, também tinha uma par­te musical, que, aliás, se manterá: a “Orquestra S. João Baptista”, grupo musical de raiz etnográfica e folclórica daquela localidade. A artista dá conta de que as obras doadas à APADMP são criações de “artistas conceituados”. Deu conta de que, durante os 10 anos de realizações, as exposições levadas a efeito pela Associação contaram com trabalhos de mais de 60 artistas: muitos portugueses, de Por­to, Lisboa, Aveiro, Vila do Conde, Caldas da Rainha e Évora, e estrangeiros de Espanha, a maioria, de Itália, do Brasil e até da Rússia.
Leia a notícia completa na edição em papel.