Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Utentes da Adémia queixam-se à Entidade Reguladora de Saúde


quinta, 14 junho 2018
A Extensão de Saúde da Adémia, que pertence ao Centro de Saúde Fernão de Magalhães, em Coimbra, reabriu fez ontem precisamente uma semana. Funciona às quartas e sextas-feiras de manhã, como havia garantido a Administração Regional de Saúde do Centro (ARSC), mas não está a atender os utentes que passaram desde Dezembro do ano passado a estar inscritos na Unidade de Saúde Familiar. Estes, que são a esmagadora maioria, têm de continuar a deslocar-se ao edifício sede, na Avenida Fernão de Magalhães. Ontem de manhã, dezenas de utentes reuniram-se à porta da extensão de saúde da Adémia para dar conta de uma «enor­me insatisfação» que a comissão de utentes já fez, inclusive, chegar à Entidade Reguladora de Saúde (ERS). «Temos direitos como todos os outros utentes. Não podemos ser obrigados a ir à Fernão de Magalhães, quando aqui temos todas as condições e a extensão funciona há mais de 20 anos», disse António Vilão, da comissão de utentes. «Só estão a arranjar desculpas para fechar de uma vez a extensão, que já funcionou diariamente, a fazer todas as consultas, de saúde infantil, planeamento, diabetes, enfermagem e outras, e com bastante movimento», acrescentou Armindo Abreu, utente na Adémia «há 40 e tal anos».
Leia a notícia completa na edição em papel.