Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Sondagem aponta Ribau Esteves como vencedor nas Autárquicas


Ana Sofia Pinheiro sábado, 23 setembro 2017
Se as Autárquicas fossem hoje, Ribau Esteves, que lidera a coligação PSD/CDS-PP/PPM, seria eleito presidente da Câmara Municipal de Aveiro e com maioria absoluta. Esta é a principal conclusão que se pode retirar da sondagem feita pelo Centro de Informação de Marketing e Análise de Dados da Universidade de Aveiro (UA-CIMAD) para o Diário de Aveiro. Segundo aquele inquérito, feito a uma amostra de 500 observações realizada entre os dias 14 e 20 de Setembro, a coligação obteria 49,8 por cento dos votos, enquanto Manuel Oliveira Sou­s­a (PS) conseguiria 11,6 por cen­to, Miguel Viegas (PCP-PEV) 2,8 por cento, Nelson Peralta (BE) 2,4 por cento e Jorge Morais (PAN) 0,2 por cento. De destacar a percentagem de inquiridos que “não sabe ou não responde” à questão colocada: 23,4 por cento. E a questão colocada foi “Em qual dos candidatos/partidos seguintes, Ribau Esteves pelo PSD/CDS/ PPM, Manuel Oliveira de Sousa pelo PS, Nelson Peralta pelo BE, Miguel Viegas pelo PCP e Jorge Morais pelo PAN, votaria ou se sentiria mais inclinado a votar?” Com a votação com distribuição de indecisos, a coligação obteria 64 por cento dos votos, enquanto o PS alcançaria 26 por cento, PCP e BE ficariam com quatro por cento e o PAN com um por cento. Face a estes resultados, segundo a sondagem da UA-CIMAD, Ribau Esteves e a coligação conseguiriam eleger 6 a 7 vereadores, enquanto Manuel Oliveira Sousa e o PS entre 2 a 3 vereadores. Ficha Técnica Estudo de opinião realizado pela UA-CIMAD (Universidade de Aveiro – Centro de Informação de Marketing e Análise de Dados) para o Diário de Aveiro. O Universo era constituído pela população maior de 18 anos recenseados no Concelho de Aveiro em habitações com telefone da rede fixa. O método de recolha de informação foi a entrevista telefónica, apoiada em CATI. O método de selecção do entrevistado (um único por cada lar contactado), foi por quotas, utilizando as variáveis de controlo Freguesia, Sexo e Faixa Etária. O método de amostragem das habitações contactadas foi o de amostragem aleatória sistemática a partir da base de dados telefónica e tendo em conta a amostra prevista. A amostra foi estratificada segundo a tipologia de freguesias: Freguesias Urbanas do Centro da Cidade (204 observações), Freguesias Predominantemente Urbanas (192 observações) e Freguesias Predominantemente Rurais (104 observações). A amostra final foi de 500 entrevistas válidas, tendo-se efectuado um total de 768 tentativas sem sucesso, incluindo 123 recusas dos seleccionados para responder. A amostra final resultou na seguinte composição em n.º de entrevistas: Sexo Masculino (236), Sexo Feminino (264), 18 aos 39 anos (165), 40 aos 59 (181) e 60 ou mais (154) O erro máximo da amostra é de 4,4% para um nível de confiança de 95%. Os trabalhos de campo decorreram entre os dias 14 de Setembro e 20 de Setembro e participaram 23 entrevistadores experimentados neste tipo de estudos, supervisionados por técnicos da UA-CIMAD. Nota: Um exemplar deste estudo de opinião foi depositado na ERC. Direcção Técnica: José Albergaria
Leia a notícia completa na edição em papel.