Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Gonçalo Paciência: “Está a ser um ano bom para mim”


quarta, 17 fevereiro 2016
Gonçalo Paciência diz estar a tornar-se um jogador diferente, sente que está a crescer futebolisticamente, em Coimbra, e tudo porque se teve de adaptar a uma realidade diferente daque­la que estava habituado. «Du­ran­­te 14 anos andei a jogar num blo­co alto com a minha equipa no meio-campo adversário e cla­ro que é diferente de jogar nu­ma equipa onde se está à espe­ra do contra-ataque e ter poucas oportunidades por jo­go. Mas tive que me moldar e está a ser um ano bastante bom pa­ra mim porque me estou a tornar um jogador diferente, conciliando as qualidades que já tinha, mas, se calhar, adequando a um jogo mais de contra-ataque. Nos 14 anos de FC Porto sempre fui um jogador de área, não tão móvel, e neste último ano tenho ganho mais mobilidade e sou um avançado mais móvel», sublinhou o futebolista, em declarações à Sport TV no programa “Resultado Final”, não escondendo que sentiu dificuldades iniciais, em Coimbra, face a um estilo de jogo ao qual não estava habituado. O dono da camisola 19 dos “capas negras”, que só apontou dois tentos no campeonato pe­la Briosa, reconheceu que «que­­ria ter mais golos» marcados, mas insistiu na ideia defendida: «Está a ser um bom ano para mim. É um contexto diferente e estou a crescer. Ir ao Europeu 2016? O sonho passa sempre pela cabeça, mas para isso tenho de estar a um nível muito alto e neste momento sei que não estou».
Leia a notícia completa na edição em papel.