Jornal defensor da valorização de Aveiro e da Região das Beiras
Fundador: 
Adriano Lucas (1925-2011)
Director: 
Adriano Callé Lucas

Oito câmaras vão vigiar 75% da floresta de Leiria


Helena Amaro terça, 21 março 2017
O novo sistema de videovigilância que será implementado nos concelhos que integram a Comunidade Intermunicipal da Região de Leiria (CIMRL), com vista à detecção e combate aos incêndios florestais, permitirá passar de uma cobertura de nove para 75 por cento do território. O projecto, já aprovado e que terá como passo seguinte o lançamento do concurso público, foi apresentado ontem, e prevê que, daqui por dois anos, as nove câmaras de vigilância possam estar em pleno funcionamento. Trata-se de um investimento de cerca de 450 mil euros, comparticipados por fundos comunitários em 85 por cento. A “maior lacuna” do actual sistema de videovigilância, explicou o vice-presidente da CIMRL, Paulo Batista Santos, é o “défice de cobertura do território”. Actualmente, apenas funciona uma câmara de vigilância na Serra dos Candeeiros, concelho de Porto de Mós. O novo sistema prevê a entrada em funcionamento de outras oito câmaras de vigilância, que serão instaladas estrategicamente em vários pontos dos concelhos que integram a CIMRL, e que permitirão uma cobertura de 75 por cento do território da CIMRL.
Leia a notícia completa na edição em papel.

Diários Associados